Sexta Casamenteira (no domingo): adereços de cabeça
26 de janeiro de 2015 POR Jojo COMENTA AQUI!
Quando a Sexta Casamenteira volta num domingo, há de se compreender o caos em que a vida se encontra. Mas, pra compensar o recesso da Sexta e o atraso da sua volta para o domingão, eis um post lindão e caprichadão.O assunto (convenientemente) é algo que estou, justamente, tentando resolver no momento (na verdade, finalmente, minha busca chegou a um fim, na semana passada, super por acaso, mas falaremos disso em mais detalhes lá em fevereiro).

Juro que achei escolher o adereço de cabeça uma das coisas mais difíceis de escolher do casamento inteiro. Especialmente porque, quando a gente escolhe o vestido, ainda nem está pensando no que usar na cabeça. Pois é. Claro que, por um lado, isso facilita o processo, afinal de contas, o vestido “dita” muito do que vai ser o cabelo, por outro lado, ele restringe e, muitas vezes, o que você tinha imaginado pra cabeça, não combina tanto com o que você imaginou pro vestido (confesso, tô falando de mim).

Então, a minha primeira dica pra você que tá procurando algum adereço de cabeça pro casório é: tenha sempre o vestido em mente (e, se possível, em mãos, pra provar junto). Especialmente, porque o adereço de cabeça tem quase a mesma importância quando o vestido na hora de definir o seu estilo como noiva.

Eu já tinha decidido, desde o início, que eu não queria usar véu e grinalda daquele jeito mais tradicional. Eu me considero uma noiva bem pra frentex (casamento na praia, sem igreja, etc), entonces, queria uma coisa na cabeça que refletisse isso, nada daquela cena clássica do noivo levantando o véu. Por isso, toda a minha pesquisa de adereços de cabeça foi na direção dessas opções menos tradicionais. E, hoje, excepcionalmente no nosso Domingo Casamenteiro, resolvi dividir com vocês as categorias que descobri e que entraram no meu hall de consideração.

Categoria 1: Flores

Se o casamento é na praia, a gente pensa logo em flores na cabeça. Ou pelo menos, eu pensei. É a opção mais óbvia e mais combinante com o clima praiano. É romântico, bucólico, charmoso. Mas flores ainda é uma categoria bem genérica. Dá pra ser coroa, dá pra ser só uma aplicação ali no coque, dá pra ser com cabelo solto, num estilo mais boho, dá pra ser com tudo presinho, bem clássico. O que não dá pra negar é que tem tudo a ver com natureza e com casamentos ao ar livre.

Categoria 2: Faixa

Uma coisa, assim, super boho. Uma coisa assim despojada e cheia de personalidade e, ao mesmo tempo, que dá pra ser podre de chique. As faixas com apliques, tem carinha vintage e combinam com vestidos fluidos e com igual perfume antiguinho, tipo anos 20. Acho super lindo combinar as faixinhas super adornadas com makes super naturais pra contrastar. Combinam com casamentos de dia e à noite.

Categoria 3: Tiara

Para noivas princesas. Calma! Não precisa ser princesa de contos de fadas e vestidos bufantes. Precisa ser romântica, fofa, amor purinho. Hoje em dia, tem tiara de todo tipo, mas todas elas carregam essa coisa mais romântica. Eu gosto, particularmente, das versões que tem carinha de folhagens douradas, mas, de novo, dá pra achar uma tiara pra qualquer gosto. Uma coisa importante: todas as referências de penteados com tiara são com cabelos presos. Se você vai apostar num cabelão solto, melhor investir em outro adereço.

Categoria 4: Redinha

Olha o vintage de novo aí gente! As redinhas tem carinha de noiva antiguinha e são uma boa alternativa pra quem não quer abrir mão totalmente da história do véu. A redinha dá aquele ar de mistério que toda noiva quer ter no dia do casório. O legal é que dá pra usar de vários jeitos também: com maxi flores, com fascinator mais discretinho: tudo depende do seu estilo.

Categoria 5: Laçarotes

Eu amo noivas de laçarotes. Pode ser no vestido, pode ser no sapato, pode ser na cabeça. Acho coisa linda de Jesus. Acho fofo, romântico, meigo. O legal é que, dependendo do seu estilo, dá pra usar um lacinho super delicado e pequeno ou uma coisa super dramática, grandona e exótica que vai virar o centro das atenções do look. Se esse for o caso, recomendo um vestido bem mais minimalista pra não brigar e deixar o laço brilhar por conta própria.

 

Bem, tá aí o meu top 5 de categorias de adereços de cabeça.

O meu vai ser da Emannuelle Junqueira, queridona que me fez me encontrar de última hora, numa das peças sensacionais dela (cê sabia que ela tem adereços de cabeça? Eu não sabia!). Outra opção bacana é a Tula Casqueteria, em São Paulo: jovem e cheia de ideias boas e preço amigo (levando em conta os preços do mercado casamenteiro).

Eita que eu tô ansiosa pra mostrar o meu pra vocês! E só falta pouco mais de um mês! Ui!

  • Achei o de flores o mais bonito! To curiosa para saber quel é o seu…

  • Pois acredite, escolhi meu arranjo da cabeça antes de qualquer coisa! Quando ainda faltava um ano para o casamento, dei de cara com uma tiara de Diana Cantídio e me apaixonei!!! Fechei logo com ela! Ainda bem que o vestido combinou direitinho! kkkkkkkkkkkk

    Beijos

  • Lindona!
    Tô super curiosa pra ver o seu casamento! Vai ser lindoooooo!
    Beijo JoJo!

  • Lindona!
    Tô super curiosa pra ver o seu casamento! Vai ser lindoooooo!
    Beijo JoJo!