Um jeans e três looks de trabalho
24 de agosto de 2015 POR Jojo COMENTA AQUI!
Semana passada eu me toquei que tenho feito bem menos looks do dia e, apesar de curtir bastante escrever sobre novos conteúdos, não dá pra negar as nossas origens, né?Esse blog nasceu do registro diário dessas escolhas do que vestir e, por mais que muita gente aí da blogosfera fale mal, eu acho que essa coisa de look do dia tem o seu propósito. Nada melhor do que ver o que o pessoal tá vestindo pra fazer a gente se inspirar, aprender e entender o que combina com a gente ou não.

Por essas e outras, hoje acordei empolgada pra botar os nossos looks em dia.

A verdade é que tenho usado menos looks porque tô trabalhando de casa. Mas há algumas semanas eu comecei o meu curso (de Marketing Digital – falei um pouco dele no Snap). Entonces, três vezes por semana, eu sou obrigada a botar uma roupinha mais “de trabalho”.

O curso é voltado pra um pessoal que já tá trabalhando e quer se aperfeiçoar. Muita gente, inclusive, vai direto do escritório pra aula. Como a escola é uma ótima fonte de contatos profissionais, eu também acabo me esforçando pra estar arrumadinha.

Dito isso, separei os três looks que usei na semana passada pra mostrar aqui hoje e, quem sabe, inspirar alguns looks na semana que vem pela frente.

O mais legal é que só depois de fotografar e editar as fotos é que me toquei: três looks e uma calça só. Parece de caso pensado, mas foi coincidência mesmo. Prova de que calça jeans pode ser uma grande aliada dos looks de trabalho. E assim nasce o tema do post de hoje. Vamos a eles então?

 LOOK 1: SEGUNDA-FEIRA

Parece que início é quando tudo acontece: reuniões são marcadas, assuntos precisam ser resolvidos, apresentações são feitas, né não? E não é por isso que o jeans tem que ficar de fora.

O negócio é usar o resto do look pra elevar o jeans a um patamar mais arrumadinho. Claro que a escolha do jeans também é crucial: eu prefiro os de lavagens mais escuras e sem firulas (por “firulas” leia-se: rasgos, apliques, bordados, etc). Mas, escolhido o jeans, o passo seguinte foi a escolha das cores: PB porque não tem como dar errado.

Pra parte de cima, escolhi uma camisetinha listrada e uma capa preta com ombros bem marcados. Tô bem apaixonada por essa capa simplesmente porque ela é dessas peças que a gente bota em cima de praticamente qualquer coisa e fica chique automaticamente. Quer ver? Pensa nesse look sem ela: calça jeans e camiseta. Com ela: escândalo de poder, arrasamento absoluto em reuniões.

É segunda e, vamo confessar, o cérebro ainda não ligou completamente depois do fim de semana. Então, pra que complicar? Se o look tá PB, bora de acessório PB também.

Essa bolsa é dos tesourinhos que eu arrematei na Adô antes de me mudar pra cá e ó que coisa linda: etiqueta personalizada com as minhas iniciais (me achei chique).

Pra finalizar, um dos pares que comprei na última liquida da Zara aqui em SanFran. Mules branquinhas com fivela e salto prateado quadrado (que não dá pra ver na foto). Super confortáveis, com salto médio bem gostoso de usar.

Créditos

Calça: Dzarm
Camiseta: H&M
Capa: FashFinds
Sapatos: Zara
Bolsa: Adô Atelier

LOOK 2: QUARTA-FEIRA

Semana já na metade, mas cheia de coisas pra fazer (e adiantar pra não ficar tudo pro fim da semana). Conforto no meio da semana é essencial pra manter a energia em cima e garantir o pique pra fazer tudo que tem que fazer.

Pra isso, eu montei um look com uma pegada meio geek chique, com camisa social embaixo do pulover. Como o look tem uma carinha meio masculina, o segredo foi escolher bem as cores e acessórios.

O pulôver prateado dá um charme mais feminino pra coisa toda. Os óculos estampados e a maxi carteira geométrica também agregam um ar mais pop e divertido pro conjunto não ficar tão sério.

Aí a gente finaliza com um sapatinho prateado e tá pronta!

Créditos

Calça: Dzarm
Camisa social: C&A
Pulôver: COS
Sapatos: Zara
Carteira: Adô Atelier

LOOK 3: SEXTA-FEIRA

Ah, sexta-feira. Esse dia de alegria, de expectativa, de sonhar acordada com o momento em que o relógio bate 6 da tarde.

Sejamos verdadeiras: sexta-feira é apenas uma formalidade no calendário de trabalho. A gente tá lá de corpo presente, mas a cabeça já tá na praia/piscina/churrasco/shopping/parque/sofá-com-Netflix.

É o dia em que dá pra soltar um pouco mais a franga no look escritório. Dia de jogar mais cor, mais alegria, mais ousadia nesse look, né não? Sim, com parcimônia porque segunda-feira tudo volta ao normal.

Então catemos a calça jeans, combinemos com uma camiseta folgadinha mais básica e joquemos um casaqueto estampado por cima.

Estampa gráfica no trabalho não tem muito erro. É aquele equilíbrio perfeito entre seriedade e ousadia que nunca dá errado.

E, nos pés, uma sapatilha básica resolve. Afinal de contas, os teus pés te carregaram a semana toda, pra eles sexta já é sábado.

Créditos

Calça: Dzarm
Camiseta: Topshop
Casaquinho: Zara
Bolsa: Maria Bonita Extra

Espero que vocês tenham gostado do nosso post de retorno dos looks do dia! Boa semana pra vocês, gente! Que ela seja deliciosa e que a sexta não demore a chegar!

  • Jô, confesso que por sua causa comecei a tentar a usar a camisa totalmente fechada com pullover. Ainda falta muito pra chegar no seu nível de criatividade, mas sigo tentanto e testando!

    http://www.jafomoslegais.com

  • Anônimo

    Jojo, você não acha que para ficar com um carinha mais arrumadinha e fazer contatos profissionais, deveria pintar seus cabelinhos brancos? Sei que você se orgulha super deles e acho isso legal, mas passa uma imagem de desleixo um pouco, não acha? Eu sou recrutadora no RH da minha empresa e se uma menina tão nova chegasse com os cabelos brancos assim, infelizmente sei que ouviria de algumas gestoras ou pares do RH "nossa, mas a menina nem pinta o cabelo, você acha que ela vai ter cuidado com o trabalho dela?".

    • Vou palpitar: claro que não passa desleixo! Ela tá sempre mega arrumada… Se não andasse maquiada, produzida…
      acho que isso é um pouco de preconceito, desmerecer uma pessoa por causa dos cabelos brancos…

    • Ah gente, acho q depende…concordo com as duas pq pode sim passar uma imagem de desleixada, mas teria q ter tudo desleixado, ñ só os cabelos. Por ex, se está com uma roupa arrumada, bem preparada, não deveria passar. E tem outra coisa q eu acho, q isso é uma coisa de mulher. A menina disse que se gosse uma gestorA que repararia e acharia que estava desleixada. C/ certeza se fosse um homem, nem repararia.

  • Eu amoooooo seus looks, amo fzer look do dia tbm e ver nossa evolução, nem que seja só pra eu mesma ver no meu humilde bloguito que sempre será um bebê diante dos gigantes da net, kkkk. Quero muito que vc fale sobre seu curso de marketing digital, tô louca pra fazer um.

  • AH! tava fazendo falta mesmo!!! Eu também estou trabalhando em casa e acaba que a gente fica meio "malarrumada", a minha auto estima tava até pensando em ir embora! Mas agora fico arrumadinha, mesmo que seja em casa.
    adorei!

  • Para a recrutados RH: jura que a vossa avaliação é mesmo assim tão básica e superficial? Eu até percebo que a imagem conta muito e é o nosso cartão de visita, mas olhando para alguém que se apresentasse numa entrevista de emprego como a Jô toda estilosa e bem arrumada, jura que o único elemento em que vocês se focariam era nos cabelos brancos? E esse elemento, apesar de todos os outros elementos indicarem que aquela pessoa se cuida, seria suficiente para taxarem na pessoa uma etiqueta de desleixo? Quase não acredito que isso seja possível de tão irracional que é!

  • Anônimo

    Imagine o Steve Jobs.. pedindo trabalho para essa recrutadora, preconceituosa.. claro se um cabelo branco, é feio imagine uma pessoa toda negra.. deve ser um horror! Que pouca inteligência dessa pessoa, que triste pensar que uma pessoa desta pode fazer tanto mal a outros, com seus comentários tão banais, pessoa nefasta!