Dias 214 e 216
4 de outubro de 2011 POR Jojo COMENTA AQUI!

Então… Domingo eu caí de cara no chão. Vamos recapitular a cena?

Tô eu voltando pra casa depois de um rápido passeio quando, lá pelo meio da Oscar Freire, eu, me achando a ciclista profissional e pessoa mais cool de São Paulo (quiça do Brasil) com a minha bike, resolvo fazer uma manobra radical: voltar do asfalto para a calçada. Eu sei, foi ousado. Mas era a adrenalina no meu sangue falando mais alto. Encarei o movimento. Fui com tudo. Mas eu não contava com um banquinho de areia molhada entre o asfalto e a calçada. A bicicleta escorregou. Entrou de lado. Caiu. Eu caí junto. Fui deslizando de frente no chão da calçada. Foi lindo. Foi épico. Foi um mico absurdo.

Levantei com o joelho sangrando e o pé doendo muito mas com a cabeça erguida. Mas aí que você vê a bondade do ser humano. Um monte de gente parou pra ajudar e ver se tava tudo bem (o que só aumentou a minha vergonha mas foi fofo).

Depois de tudo isso, ainda tive que remontar o look hoje porque o cartão de memória da câmera caiu no chão (domingo foi o dia de cair mesmo) e quebrou.

Enfim, remontamos o look e cá está ele. Muito frescor pra um domingo gostoso. (nota mental para os próximos passeios de bike: andar mais vestida pra se ralar menos nas quedas).

Eu desenterrei essa sapatilha na semana passada. Adorava ela e usei muito, muito, até cansar. Daí que fui andar de bicicleta com ela e a bicha se vinga de mim, né? Cai e ralei o meu pé. Tivesse ido de AllStar nada disso teria acontecido. Mas tudo bem. Ela é linda mesmo assim.

 

Daí, chegamos no dia de hoje. E vou te falar: hoje abracei um desafio. Eu tenho um vestido que eu amo e que, antes do blog, usava praticamente toda semana pra vir trabalhar. Era meio o uniforme da preguiça. Uma peça, soltinha. Conforto sem esforço, sabem? Mas daí que ele é bem colorido. Super marcante. E eu já usei ele lá no comecinho do blog (aqui ó).

Meu desafio, portanto, era conseguir usá-lo novamente mas de um jeito diferente. Hoje, botei a cabeça um pouquinho pra funcionar, joguei o preconceito de lado e tasquei um cintinho trançado (pra contrastar com a modernidade do vestido) e um boyfriend blazer pra deixar tudo com cara mais de trabalho.

E daí que, já que resgatamos a coitada da sapatilha, bora botar a bichinha pra andar, né?

Bem, desafio comprido e blog em dia. Ufa.

Créditos de domingo:

Short: Maria Bonita Extra para C&A
Blusa: Urban Outfitters
Cinto: H&M
Sapatilha: Shoestock
Óculos: Urban Outfitters
Pulseira: Q-Guai

Créditos de hoje:

Vestido: Marc by Marc Jacobs
Cinto: H&M
Blazer: Zara
Sapatilha: Shoestock
Óculos: brinde da Marie Claire