Dias 262, 263 e 264
21 de novembro de 2011 POR Jojo COMENTA AQUI!

Eu tô a própria pagadora de promessas. Cheia de coisas pra postar porque o fim de semana de trabalho foi intenso e não deu pra fazer tudo. Como sempre, o bom de atrasar posts é que depois vem um daqueles beeeem grandes, com todos os looks de uma vez (olha eu querendo que vocês olhem pro lado Pollyanna das coisas).

Bem, sábado e domingo foram dias de labuta. Mas o bom de trabalhar no fim de semana (tô muito Pollyanna hoje) é que dá pra ousar um pouquinho mais nos looks.

Sábado, por exemplo, catei essa camisa que eu amo porém nunca uso, combinei com a saia xadrez e saí toda serelepe fingindo que estava indo pra algum piquenique por aí.

Engraçado que eu nunca tinha pensado em colocar essas duas peças juntas mas acordei no sábado e me veio essa luz. Nada como a inspiração matinal de um sábadão, né?

Acabou que eu adorei o crash de estampas. Achei que as cores combinaram bem e as “listras x xadrez” não brigaram. Pelo contrário, um pareceu ressaltar ainda mais o outro.

Daí, no domingão, eu chutei o balde! Se é pra trabalhar no domingo, eu vou é trabalhar de short! Ok… exagerei… Mas uma bermudinha não faz mal a ninguém.  Daí, pra não enfiar o pé na jaca de vez e o diretor de criação da agência não achar que a gente surtou e achou que tava indo pra praia, a gente taca um blazerzinho e uns lenços coloridos pra animar o dia.

Pra fechar, o oxford mais lindo do mundo. Daqueles detalhes que a gente não vivem sem.

Daí chegamos ao look de hoje!

Bem, se o fim de semana foi de trabalho em clima de descontração, essa segunda-feira começou a todo vapor e exigiu um look à altura: todo trabalhado no poder. A idéia era um visual executivo, pronto pra brillhar no trabalho (alô advogadas, olha aí um look pra vocês!). O bom é que quando a gente tá com uma roupitcha poderosa, a gente se sente mais poderosa também, né?

Pra garantir a elegância discreta que o ambiente de trabalho exige, optei por um look inteirinho cinza (inclusive reaproveitando o blazer do domingo) mas com proporções bem distintas e texturas bem diferentes (a começar pela saia que é de couro e o tomara que caia que é de crepe de seda).

Pra finalizar e dar um toquezinho (bem inho) de femme fatale, nada como um batonzão vermelho (afinal, é segunda mas a gente não tá morta, né?).

That’s all, folks! Ufa! O maior post da história do blog!

Créditos do sábado:

Saia: Maria Bonita Extra
Camisa: Maria Bonita Extra
Cinto: Marc by Marc Jacobs
Sapato: Maria Bonita Extra
Bolsa: Zara

Créditos do domingão:

Bermudinha: Espaço Fashion para C&A
Blusa: Hering
Blazer: Zara
Sapato: Maria Bonita Extra
Bolsa: Zara
Óculos: Urban Outfitters
Lenços: presente de viagem da mamãe

Créditos de hoje:

Saia: Animale
Tomara-que-caia: Maria Bonita Extra
Blazer: Zara
Sapato: Maria Bonita Extra
Óculos: Urban Outfitters