Entre o rock e o trabalho – dia 01
26 de Março de 2013 POR Jojo COMENTA AQUI!

E a Semana Santa está entre nós, minha gente. Sim, amiguinhos e amiguinhas, já estamos quase em abril (mês mais lindo e amado de todos os tempos: o mês do meu niver). Mas, enquanto alguns estão comprando ovo de Páscoa e dessalgando o bacalhau, cá estou eu pensando: faltam só quatro dias para o Lollapalooza Brasil!!!!!

Pois bem. Depois de MESES de espera, o evento mais bonito, sensual e muderno da música está entre nós. E cabe a cada um de nós fazer com ele ele continue ainda mais bonito, sensual e muderno. E é exatamente com esse intuito que dedicaremos essa semana para dar idéias de looks pra arrasar lá no Lolla ou em qualquer festival que esteja por vir.
Mais aí pensei: vou ficar mostrando look pra ir pra balada e o pessoal vai sentir falta das inspirações pro trabalho. Daí que veio a solução: dois looks por dia, baseados na mesma inspiração. Só que de inspiração pro Lolla e, depois de algumas mexidas, como que ele serviu pra eu sair de casa e vir trabalhar. 

Vamos lá?
Bem, primeiro ao look pro Lolla? 

Juro que, quando penso em festivais de música, fico louquita da cabeça pra tirar a poeira dos meus lindos chapéus e botar cada um pra desfilar na rua e ver o sol. E, no primeiro look de inspiração pro Lolla não poderia ser diferente: o chapéu foi o primeiro elemento a ser escolhido e o que deu o tom ao restante do look.Queria um chapéu mais invernal, pra ornar com o clima fresquinho que anda rolando por aqui. Cheguei no meu chapéu de feltro marrom e, a partir dele, pensei num look inteirinho bordeaux. Mix de estampas: étnico e floral, tudo puxado no vinho.

O legal do mix de estampas tão diferentes nesse look é que, como tudo era da mesma cor, ficou super fácil de combinas, mas, ao mesmo tempo, fugiu do óbvio. E como a idéia era mesmo ‘monocromatizar’, o batom foi na mesma toada.Nos pés, corturnos já bem surrados que é pra não ter d ó de jogar os bichinhos nos gramados do jóquei nesse finde que está por vir.

Mas aí, veja bem, como usar ot al look do chapéu pra trabalhar? Veja bem, meu bem, primeira dica? Tire o chapéu. Se achando doida, basta você. Não precisa o seu chefe achar também. E, por mais que eu ame os adereços de cabeça, combinemos que eles ainda não são tão socialmente aceitos assim aqui no Brasil (mas a gente chega lá).Tirado o chapéu, a segunda coisa foi encompridar (essa palavra existe?) um pouco a saia. Abri o ziper um pouquinho do lado pra conseguir puxar ela pra baixo. Não foi problema porque a blusinha era compridinha e cobriu tudo.

Por cima de tudo isso, entrou o nosso BFF outonal: o trench. Hoje em sua versão cor de camelo. Afinal das contas, hoje no trabalho eu não vou ficar pulando pra cima e pra baixo ao som de nada então melhor pegar um casaquinho pra se aquecer.

Fora isso, quase nada: o cabelo fofo da trança de lado virou um coque prárico no alto da cabeça. E o óculos virou aquele que tava dentro da bolsa. O de sempre.
É isso. Contagem regressiva para o Lolla. Foi 1, faltam 3. Quem tiver mais idéias pra arrasar em festivais, vem aqui e conta pra mim. Quem sabe a sua idéia não aparece aqui ainda essa semana?Créditos:

Saia: Maria Bonita Extra
Tricô: TopMan
Chapéu: brechó na Augusta
Coturno: C&A
Óculos 1: Zero UV
Trench: AMP
Óculos 2: Zero UV