Chegamos no paraíso: Ko Phi Phi
21 de Maio de 2013 POR Jojo COMENTA AQUI!
Depois de quase uma semana em Bangkok, seguimos para o sul da Tailândia, na direção do mar. Depois de um vôo, um ferry e um long tail boat (numa tradução literal seria alguma coisa como ‘barco com rabo grande’, por conta da hélice comprida que impulsiona o barco), finalmente chegamos em Ko Phi Phi, mais precisamente, em Phi Phi Don.Phi Phi é um conjunto de duas ilhas a duas horas de Krabi (onde o nosso avião aterrissou): Phi Phi Don, a ilha grande onde nos hospedamos, e Phi Phi Le, a ilha menor, famosa por abrigar Maya Bay, a baía que serviu de cenário para o filme A Praia. Só pra vocês terem uma idéia:

Olha a cor desse mar, minha gente!

A idéia com esse pulinho em Phi Phi era mesmo descansar um pouco na praia depois dos agitados dias em Bangkok, mas o cenário te faz não querer parar quieto. Pelo contrário, tudo é tão lindo, a natureza é tão fantástica que dá vontade de passar o dia desbravando cada pedacinho de cada uma das ilhas. E coisa pra fazer é o que não falta: desde snorkeling nas áreas mais rasinhas, à mergulho com cilindro em áreas mais profundas, passando por festas na vila e churrascos de frutos do mar na areia, além de diversos passeios de barco para as várias baías da região.

E, com tanta coisa pra fazer, a boa notícia é que se precisa de pouca ou quase nenhuma roupa. O clima é quente e a água do mar é morninha, então, esteja sempre preparada para um mergulho (mesmo à noite!).

O look de hoje parte exatamente deste princípio. Ficar gatinha e apresentável para qualquer situação praiana.

 

Eu sei, o maiô (assim como o chapéu) sofre de muito preconceito na nossa sociedade. Mas eu sou total defensora da peça. Acho chique, acho charmoso, prático e, ouso a afirmar, inclusive sexy. Claro que não estamos falando dos modelos tradicionais feitos para natação. A moda evoluiu, minha gente! E com ela, os maiôs. O de hoje, por exemplo, tem um corte super diferente com as costas quase inteirinhas de fora. E basta colocar um shortinho por cima pra ele virar um body super bacana.

Mas, claro, no fim das contas, estamos falando de um maiô e um shortinho jeans. Complexidade zero. Então, pra dar um up na coisa toda (e, já que estamos na praia e tá muito calor), que tal um coque alto arrematado por uma orquídea? Aprendi com as tailandesas. Elas adoram colocar flores no cabelo (aliás, o povo adora flores de uma forma geral, não tem um lugar na Tailândia onde você não se depare com um arranjo de flores fresquinhas decorando alguma coisa).

Daquelas pequeninices que fazem toda a diferença.

Créditos:

Maiô: Osklen
Short: Zara
Cinto: Zara
Sandálias: Havaianas
Óculos: ZeroUV