Uma auto-análise de estilo
23 de agosto de 2014 POR Jojo COMENTA AQUI!
Eita que essa semana foi corrida e eu quase não consegui aparecer por aqui. Porém, cá estou eu, num sábado de manhã, pra começar a compensar a minha ausência.Outro dia, alguém fez um comentário num dos posts aqui do blog (ou no Insta, não lembro) sobre como eu tenho andado mais básica depois que mudei de trabalho. A pessoa me perguntou se isso teria alguma coisa a ver com um ambiente de trabalho mais formal ou com coleguinhas mais tradicionais.

Li o comentário e, imediatamente, comecei a tentar lembrar dos últimos looks pra tentar fazer uma auto-análise. Engraçado como, às vezes, a gente precisa do olhar de uma outra pessoa pra se dar conta de algumas coisas.

Talvez a palavra que melhor defina o meu estilo no último mês (não coincidentemente, desde o início do trabalho novo) seja adulto. Não, não estou falando isso como se fosse uma coisa boa. Nem como se fosse uma coisa ruim. A verdade é que, com o trabalho novo e as novas responsabilidades que vieram com ele, eu acho que devo ter feito escolhas, mesmo que inconscientes, na direção de um estilo menos girlie e mais adulto. A pessoa tá querendo imprimir responsabilidade no trabalho novo, entende?

A coisa boa de se dar conta disso tudo é conseguir prestar atenção nas minhas escolhas pra conseguir fazê-las de um jeito mais consciente e sem abrir mão do estilo que me faz ser o que eu sou. Evoluindo, claro, mas sem perder a essência.

Dito isso, o look desse post foi uma escolha bem consciente e feliz. Eu ando numa tara por brancos e pretos e looks monocromáticos de uma forma geral. E, desde o fatídico post de debut da saia branca, eu ando querendo usá-la novamente.

Dessa vez, a ideia era usá-la justamente marcando a cintura e deixando que o evasé trabalhasse a favor de me proporcionar um corpinho mais curvilíneo. Para isso, escolhi uma camisa social branca super clássica e, pra não ficar muito folgadinha e perder a cintura, dei o truque do acabamento com o nozinho na frente.

Eu simplesmente amei o resultado do look total white. Sempre acho que o look branco acaba ganhando até do preto. Ele combina a elegância da cor neutra com uma leveza e personalidade que é só o branco tem.

Sobre acessórios: a escolha da bolsa foi até meio óbvia. Eu tinha acabado de comprar. Passei na Zara no dia antes, enquanto esperava o boy sair do trabalho. Dei de cara com essa carteira e me identifiquei na hora. Eu tava de TPM e estressada por conta do trabalho e a bolsa me ajudou a dar risada de mim mesma (é bom quando as roupas fazem isso pela gente, né?).

 

Se não deu pra ler direito, a bolsa diz: “Stressed” (estressado) na frente e “but well dressed”(mas bem vestida) atrás. Tem como não amar?

Finalizei a história com um sapato prateado, porém com um ar bem masculino, só pra dar uma pitada mais moderna.

Ah! E prendi o cabelo! Na verdade, as primeiras fotos desse look foram feitas com o cabelo solto. Mas, lá pela metade da sessão, percebi que o cabelo estava cobrindo essa gola linda e armada. Prendi na hora e achei que fez toda a diferença. 😉

Bem, tá aí o meu post matinal de sábado. E mais tarde tem mais novidades! Acabei de chegar no Rio com uma mala bem interessante! Conto no próximo post.

Bom sábado procês!

Créditos:

Saia: Zara
Camisa: Turquesa
Sapato: C&A
Carteira: Zara
Óculos: American Apparel
Anel: B.Luxo