Camelo: a cor do meu inverno 2015
7 de junho de 2015 POR Jojo COMENTA AQUI!
Eu vou falar uma coisa pra vocês, eu nunca entendi muito essa história de “cor do ano”. Se você nunca ouviu falar disso, deixa eu contar rapidinho.A Pantone é uma empresa, criada em 1963 que ficou conhecida no mundo inteiro pelo seu sistema de cores. Basicamente o que eles fizeram foi catalogar centenas de cores diferentes, dando uma numeração específica para cada uma delas. Aí você me pergunta: e pra que isso, gente?

Simples: imagina que eu tenho uma confecção de roupas. E eu quero um tecido pra minha coleção que só tem na Europa. Eu ligo pra pro meu fornecedor lá na Europa e falo que eu quero o tecido X na cor amarelo. Mas como o cara lá na Europa saberia o tom exato de amarelo que eu quero? Mandar por email não rola porque cada tela é calibrada de um jeito e as cores ficam diferentes. A solução é olhar na minha cartela Pantone, achar exatamente o número do amarelo que eu quero e falar pro fornecedor. Ele olha na cartela Pantone dele, identifica o tom certinho e todo mundo evita surpresas pelo caminho.

Isso explicado vamos ao tema inicial. Todos os anos a Pantone faz um grande estardalhaço em torno da “cor do ano”. Sim, uma tonalidade específica que, depois de intensa pesquisa sobre tendências, eles elegem como a cor do momento. Em 2014 foi (pasmem) Orquídea Radiante (eu também não fazia ideia de que essa cor existia, mas beleza). E se você andou ouvindo falar muito de Marsala e ainda não sabia porque, eu te digo: foi esse o tom eleito para 2015.

E aí voltamos ao meu ponto: engraçado o ano ter uma cor, né? E que responsa pra esse tal tom Marsala que eu nunca tinha ouvido falar antes na vida e, pra mim, se parece muito com o tom de vinho que a gente já usava fazia tempos.

Mas eu fiquei pensando sobre isso. E, apesar de não concordar muito com essa coisa de “cor do ano”, me dei conta de que ando bem obcecada num certo tom que acho perfeito pro inverno. Sim, o Instituto Jojo de Pesquisa Sobre Assuntos Aleatórios (mais conhecido por sua sigla IJPSA, um órgão super sério aliás) acaba de eleger a COR DO INVERNO! E, desculpe Pantone, mas não, não é Marsala.

De acordo com as minhas pesquisas super sérias e conceituadas, o inverno é Camelo.

Sim! Camelo! Essa cor meio complicada, mais escura que o bege, mais marrom que o mostarda, mais amarelada do que o tabaco, mas bem parecidinha (irmã quase gêmea) do caramelo.

E que cor mais linda e adequada pro inverno, né não? Super versátil, combina com quase tudo nessa vida e tem um ar chique e descontraído que é difícil de resistir.

Acho que a minha obsessão invernal com camelo começou com os casacões, os famosos camel coats, pesados, quentinhos e cheios de personalidade.

Mas a a verdade é que o camelo vai bem em tanta coisa! Ainda mantendo o clima invernal, dá pra apostar em tricôs e pulôver que brincam com diferentes texturas para a cor.

O camelo é essa cor despretensiosa, intermediária, nem dia, nem noite, nem quente, nem frio. É essa despretensão que faz ela ser tão legal e atemporal. Por isso, ela vira calça com a mesma facilidade que vira um vestido de festa ou uma mini saia.

Isso sem falar nos acessórios. Bolsas, sandálias, mochilas, botinhas, cachecol, esmaltes. IN-FI-NI-TAS possibilidades.

Pra finalizar e mostrar quanto o camelo rende, montei algumas combinações com cores que eu gosto muito. Só pra inspirar um pouquinho e abrir a cabeça.

Camelo Navy

Camelo Nude

Camelo Militar

Camelo Celeste

E você? Tem uma cor que elegeu pra marcar esse inverno? Conta!