Alimento pro Pensamento: Olimpíadas das mulheres
14 de agosto de 2016 POR Jojo COMENTA AQUI!

Olha, se teve uma semana que eu fiquei com dó de estar fora do Rio, foi essa semana que acaba de passar. Que coisa mais linda que está sendo assistir, mesmo à distância, esses Jogos Olímpicos. E nem digo só os jogos em si, as competições, mas também a interação das pessoas, os snaps e instas de tantos amigos e desconhecidos passando pela minha timeline mostrando a energia das pessoas, a prestatividade dos voluntários, a garra dos atletas, a festa dos diferentes países. Que lindo que está sendo isso.

O mais legal é que essas Olimpíadas, ao contrário do que muita gente acreditava, trouxeram com elas muitas notícias boas, muitas discussões importantes e muitos holofotes para as mulheres. Então, aqui vão alguns dos meus momentos preferidos desses 9 dias de Rio 2016.

SOBRE A LEA T.

A cerimônia de abertura foi um primor até nos mínimos detalhes. Uma das coisas mais legais foi a participação da Lea T, a primeira transexual a participar de uma cerimônia de abertura dos Jogos.

É incrível perceber que um pequeno passinho foi dado na direção de mais representatividade, mas o mais legal é ver a atitude dessa mulher e a mensagem que ela levanta com sua participação. Olha que coisa linda.

SOBRE A DANIELE HYPÓLITO

Dani Hypólito carrega uma história e tanto. Aos 31 anos, foi a primeira ginasta brasileira a conseguir uma medalha no mundial e essa é sua quinta Olimpíada.

Em sua estréia na Rio 2016, ela representou o Brasil no solo ao som de Anitta. A apresentação foi linda, mas infelizmente, Dani caiu em um de seus saltos. Ao final de sua performance, a câmera acompanhou a saída da atleta, que olhou pro Brasil e pediu desculpas pelo erro.

Fiquei com o coração partido vendo a cena. Só consigo imaginar a pressão que esses atletas vivem, treinando todos os dias, enfrentando adversidades, pra chegar naqueles minutos de prova. Queria ir lá dar um abraço nela, falar do orgulho que ela já tinha nos dado.

A parece que não foi só eu que teve essa sensação. As redes sociais foram inundadas de mensagens de carinho pra ela. Nenhuma mais linda do que a de seu próprio irmão. Olha só:

SOBRE O PEDIDO DE CASAMENTO

Um dos momentos mais emocionantes desses Jogos foi quando Marjorie Enya, voluntária nos jogos, aproveitou o finalzinho de um jogo da seleção feminina de rugby para pedir sua namorada, a atleta Isadora Cerullo, em casamento.

A surpresa foi armada junto com todo o pessoal do time. Izzie (como Isadora é conhecida) achou que ia dar uma entrevista). Foi aí que Marjorie pegou o microfone da organização e fez o pedido. Izzie disse sim e, na falta de uma aliança, recebeu um lacinho amarelo ao redor do dedo. Romance purinho coroado por um beijo lindo das duas!

AlimentoProPensamento

SOBRE O FÃ DA MARTA

As meninas do futebol feminino continuam arrasando, mostrando que merecem torcida, respeito, admiração e investimento. 

Chega de só termos espaço na tv pro futebol masculino, de só termos patrocinadores pro futebol masculino. 

E nem sou só eu que tô dizendo. Teve um menininho nas Olimpíadas que concorda comigo. Tudo começou quando ele foi visto andando por aí com essa camisa:

AlimentoProPensamento

A imagem viralizou tanto que Bernando (o menino da foto) fez um vídeo explicando a razão pela qual trocou o nome da camisa. 

Que sirva de exemplo pra mostrar que o futebol feminino também atrai fãs e merece cada vez mais respeito!

SOBRE AS MULHERES ATLETAS

Não tem dúvida, essas Olímpiadas foram delas. Não consigo parar de me emocionar com tantas demonstrações de garra e superação de atletas do mundo inteiro, nas Olimpíadas mais femininas de todos os tempos. 

Essa matéria do BuzzFeed é um bom apanhado dessas mulheres que são verdadeiros exemplos de vida. Da Yusra Mardini, atleta do time de Refugiados, que empurrou durante três horas, junto com sua irmã, um barco de 20 pessoas quando viu que ele ia afundar, até chegar na Ilha de Lesbos, na Grécia. Até a Rafaela Silva e seu ouro conquistado na raça e depois de superar ataques e preconceitos.

AlimentoProPensamento

Ah! E ainda teve essa seleção de fotos de atletas gritando e comemorando. Elas merecem!

sub-buzz-11912-1470766515-1 sub-buzz-11933-1470766493-1 sub-buzz-27030-1470766849-13 sub-buzz-28095-1470766536-5

SOBRE A MÍDIA MACHISTA

Infelizmente, ainda temos um longo caminho pela frente. O El País fez um compilado das matérias mais machistas que saíram por aí durante essas Olimpíadas. Triste, mas muito real, a lista vai de “Listas de Atletas mais gostosas” a uma “Nadadora que bateu o recorde mundial graças a seu marido”.

AlimentoProPensamento

Infelizmente ainda vivemos num mundo em que boa parte da mídia ainda trata as mulheres dessa forma, expondo seus corpos, diminuindo suas conquistas. Precisamos sempre chamar atenção pra isso e cobrar uma postura diferente dos meios de comunicação. É esse tipo de discurso que reforça o machismo cotidiano.

Boa semana, pessoal!